Anelka, “Não é profissional”

O jogador Anelka seria um dos reforços do Atlético-MG.

A falta de profissionalismo do jogador Anelka  foi a causa da rescisão de contracto.

Maluf afirma: “Em nenhum momento conseguimos falar com o jogador. Falamos com o procurador e com o agente. A grandeza do Atlético-MG é muito maior do que o Anelka. Portanto, o Anelka é carta fora do baralho no Atlético-MG. A conduta dele mostrou que ele não é profissional”.

“No fim de março o agente do Anelka estava no Rio junto com Robson Lima e nos colocou a possibilidade do acerto. No dia 4 de abril, quando emitimos a passagem do Anelka, do agente e do irmão dele, tínhamos um pré-contrato assinado pelo Cristian Cazini até dezembro de 2015. Vieram o Cristian e o Claude Anelka (irmão do jogador), chegaram a Belo Horizonte no dia combinado. Nos colocaram que havia um problema no embarque e que ele viria na semana seguinte. Ficaram em BH o Cristian, o Robson e o Claude. Visitaram o CT e foram a Lagoa Santa. O Anelka falou com Ronaldinho Gaúcho, disse que teve um problema, que o passaporte tinha problemas. Demos um limite para ele se apresentar, que era segunda-feira. O presidente afirmou na sexta-feira, tinha tudo acertado. Hoje recebemos um email do Cristian, dizendo que o Anelka, que se tornou muçulmano, estaria participando de um encontro de muçulmanos no Kuwait. A grandeza do Atlético-MG é muito maior. Está cancelado. Vamos fazer uma representação contra o agente dele. Ele tinha a obrigação de nos confirmar do evento no Kuwait”.

Bruno de Araújo

Administrador do Mundo do Futebol, Blogger, Amante de futebol.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *