Neymar e Ganso marcam, Santos vence Guarani e fica perto de comemorar o tricampeonato paulista

O Santos Futebol Clube continua dando show dentro de campo. No ano de seu centenário, a equipe de Muricy Ramalho está próximo de conquistar mais um título do campeonato paulista (na verdade, o time do litoral paulista está com “uma mão e quatro dedos” na taça do torneio, se é assim que podemos dizer). No primeiro jogo da final do Campeonato Paulista 2012, o Santos derrotou o Guarani, no Morumbi, pelo resultado de três a zero.

O destaque da partida vai para a dupla Paulo H. Ganso e Neymar. O ‘maestro’ camisa 10 santista marcou o primeiro da final, sendo um golaço.  E Neymar, sempre ele, marcou dois na partida. A segunda partida da final do Paulistão 2012 será domingo que vem (13), também no Morumbi.

Santos, Neymar, Paulo Henrique Ganso, Elano, comemoração

De azul, Santos vence Guarani na primeira partida da final do Paulistão-2012 (Créditos da Imagem: Ricardo Matsukawa/ Portal Terra)

Confirmando a conquista, o time chega ao terceiro título do Campeonato Paulista seguido, o 20º da história do clube. A última vez que o Santos foi tricampeão seguido do Paulistão foi em 1969 (o time conquistou o torneio em 67, 68 e 69).

O Santos começou com tudo. Logo no primeiro momento do jogo, Elano bateu uma falta na trave. Depois do susto, o time do Guarani foi tentar lá na frente, buscando jogadas, mas não conseguiu marcar gol. Quem conseguiu foi Paulo Henrique Lima, vulgo Ganso. Aos 42′, Neymar recebeu na esquerda, tocou para dentro da área, Arouca tocou para trás, encontrando o camisa 10 santista; Ganso bateu colocado, Emerson ainda tocou na bola, mas não conseguiu evitar o primeiro santista no jogo.

No segundo tempo, Neymar conseguiu marcar mais dois gols em sua carreira (chegando a 104 com a camisa santista). Os gols saíram aos 20′ e 46′ da segunda etapa.

Com os 3 x 0, o Santos fica com a “mão na taça”. Semana que vem, novamente no Morumbi, o Santos pode perder por até dois gols de diferença. O Bugre campineiro precisará vencer por 3 gols de diferença, independentemente do placar, para levar o jogo para as penalidades.

Veja os gols do jogo:

Comente!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *