São Paulo vence Corinthians, quebra tabu e Rogério Ceni marca o 100°gol na carreira

Dia 27 de Março de 2011. Dia histórico para a história do São Paulo Futebol Clube, para o futebol brasileiro e para o futebol mundial: o goleiro Rogério Ceni marcou 100 gols na carreira. Este é um fato inédito para um goleiro. A tarde deste domingo histórico foi quase que perfeita para o torcedor são-paulino, além do gol de número 100 de Ceni, o São Paulo venceu o Corinthians, na Arena Barueri, por 2a1, quebrando um tabu de mais de 4 anos sem vencer o rival. Com a vitória, o São Paulo subiu para a vice-liderança do campeonato, enquanto que o Corinthians, que era líder, desceu para a 3ª colocação do campeonato Paulista.

Os gols da partida foram marcados por Dagoberto e Rogério Ceni para o São Paulo, e Dentinho para o Corinthians, num jogo que teve emoção até o último minuto. Teve quase de tudo: confusão (3 expulsões), golaços, entre outros fatos que marcam um clássico entre grandes equipes.

Rogério Ceni,Gol 100,comemoração,São Paulo

Rogério Ceni comemora o gol número 100 da sua carreira. (Créditos da Imagem: Wander Roberto / VIPCOMM)

São Paulo 2×1 Corinthians- O jogo histórico
Foi um clássico cheio de emoções, quem teve a oportunidade de ver a partida, com certeza viu uma grande partida. O jogo foi na Arena Barueri, em Barueri, na Grande São Paulo, o mando era do São Paulo, que não pode realizar o jogo no Morumbi, porque o estádio estava sendo usado para um show.

No jogo, o Corinthians começou melhor, atacando mais o São Paulo, mas o nervosismo atingiu as duas equipes, mas o São Paulo se tornou o melhor em campo e conseguiu abrir o placar. E foi no final do 1°tempo, com Dagoberto. O atacante são-paulino pegou a bola na entrada da área, deu um belo chute certeiro no canto esquerdo de Julio César, marcando um golaço.

O 1°tempo terminou 1a0 São Paulo.

O Segundo tempo foi bastante agitado, cheio de grandes lances. O Corinthians veio para a etapa final querendo o gol de empate, que quase saiu com Jorge Henrique. O Atacante cabeceou uma bola na área, após um cruzamento, dividiu com zagueiro tricolor, a bola foi forte no ângulo de Rogério Ceni, que fez uma belíssima defesa, mandando para escanteio.

Apesar de estar vencendo, os são-paulinos sabiam que 1a0 era pouco e, com o Corinthians tentando o gol de empate, o São Paulo conseguiu ampliar o resultado, com um gol, não foi qualquer gol, foi um gol histórico: Rogério Ceni marcando o centésimo gol na carreira. Aos 8′, Fernandinho sofreu falta na entrada da área feita por Ralf, como é de costume, a torcida são-paulina começou a chamar o nome de Rogério Ceni, e comemorando muito, pois sabiam que aquela falta poderia ser o gol de número 100 do goleiro. A falta foi do lado esquerdo do campo de ataque tricolor. Rogério Ceni se preparou para cobrança. E de pé direito, o goleiro mandou no ângulo direito de Julio César, que ainda tocou na bola, mas não conseguiu evitar o gol histórico do goleiro do São Paulo. O gol foi marcado as 17 horas e 9 minutos (Horário de Brasilia). Nas contas do goleiro e do clube, este foi o gol de número 100, mas a FIFA não reconhece 2 gols do goleiro em partidas amistosas. Por isso, para a FIFA, Rogério Ceni tem 98 gols, e não 100, mas num momento de festa, para os torcedores são-paulinos isso menos importa.

Após o gol, Rogério Ceni correu para onde estavam os torcedores. O goleiro tirou a camisa e foi derrubado pelos companheiros. Após a comemoração, o goleiro levou o amarelo por ter tirado a camisa.

Com 2a0 no placar, e com a festa dos tricolores que ficaram soltando fogos de artifícios para comemorar o gol, o jogo parecia que já estava ganho para o São Paulo, e para reforçar isso, Alessandro, após falta violenta sobre Dagoberto, foi expulso deixandro o Corinthians com um a menos. Mas mesmo com a desvantagem no número de jogadores, o Corinthians conseguiu descontar o marcador com Dentinho, que após falta ser cobrada rápida, o atacante recebeu a bola e chutou no canto direito de Ceni. O Corinthians descontava com 22′ do segundo tempo, pondo ‘fogo’ no jogo. Após o jogo, o São Paulo perdeu Dagoberto expulso. Ele fez falta e recebeu o 2°amarelo, deixando o São Paulo com 10 em campo, mesmo número de jogadores do Corinthians. Mas, aos 28′ o Corinthians voltou a ter um jogador expulso, desta vez foi o autor do gol corintiano, Dentinho que agrediu Rodrigo Souto com os pés e levou o vermelho.

Nos minutos finais o São Paulo jogou apenas no contra-ataque com diversas chances claras de gol, o time que vencia por 2a1, poderia ter ‘matado’ o jogo, mas desperdiçou as oportunidades.

Para deixar o coração do torcedor são-paulino mais nervoso do que estava, o arbitro da partida deu 6 minutos de acréscimos, esses minutos só de pressão corintiana. Nos últimos minutos, Rogério Ceni fez mais um milagre após chute de Liedson na cara do goleiro, que defendeu com o pé esquerdo.

Final de partida: São Paulo, quebra o tabu e Rogério Ceni marca o centésimo gol na carreira, 2 x 0 Corinthians.

Veja os gols do jogo:

Parabéns a ROGÉRIO CENI, o primeiro goleiro a marcar 100 gols. Além de ser um excelente batedor de faltas e pênaltis, Rogério é um ótimo goleiro. Valeu Rogério!!!!!!!!!!!!!

Comente!!!!!!!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *